domingo, 27 de dezembro de 2009

Fingimentos


Aguiar-Branco acusou o primeiro-ministro de “fingir que vive num país que não é o nosso”. Ora batatas, então queria que fingisse que vive no nosso país? O homem ainda apanhava uma depressão.

Se querem um presente original ofereçam um bacio; agora uma depressão, isso não se faz. Talvez pelo aniversário, mas pelo Natal?!? Francamente, há malta com muito pouco respeito pelo Natal.

Isto é só coisas que me ralam.

Hélas!

3 comentários:

saphou disse...

Fabuloso, como é marca de água da Mac. Não apareço tanto quanto devia, mas a quinta, as vacas, os perús, os porcos...o pomar, enfim uma trabalheira. Bom Ano, te quiero mucho, e gostaria de saber do ananás do jardim.

Maria de Fátima disse...

ai o ananás!!!!!!!!!!!!! rsss

será este?!

mac disse...

Obrigada, Saphou... Boa sorte na lida da quinta, te voglio bene.

O ananás... Sei que está caído mas não sei como, para que lado, se está moribundo ou não. Não sei e não posso ir lá abaixo pessoalmente saber.
Um milagre destes e sem ninguém que o cuide. Que tristeza.
Muito ao gosto da quadra.

Maria de Fátima, não sejas má.